sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Galego aprova atuação do Real Moitense e ressalta união do grupo

Na última quarta, o Real Moitense aplicou uma goleada no Balsas-MA por 6 a 0 e se classificou em primeiro lugar para a semifinal da Liga Nordeste 2013.

Para o técnico Wilson Mendonça, o ‘Galego’, o jogo foi bem diferente do primeiro, porque na estreia sempre há um nervosismo para causar uma boa impressão. Ele ficou feliz com o bom desempenho da equipe em quadra.

- Fizemos uma boa partida, administramos e marcamos bem, como também finalizamos de forma efetiva. O placar não quer dizer que o time deles era fraco, mas é que a nossa equipe voltou a jogar bem, como jogou na Taça Brasil e no estadual. Além disso, soubemos nos preservar, pois tínhamos três jogadores pendurados e não entraram em nenhum momento no segundo tempo, para que estivessem liberados para a semifinal – comentou.

Galego aprova atuação do Real Moitense (Foto: Divulgação/CBFS) 
Galego aprova atuação do Real Moitense (Foto: Divulgação/CBFS)
 
Poupar os atletas foi fundamental para o Real Moitense na semifinal. Segundo o regulamento, todos os jogadores que possuíssem apenas um cartão seriam zerados ao passar de fase. Com relação à lesões, o único que permanece o departamento médico é Betinho, que sofreu uma entorse no joelho em um amistoso contra o time da Unit.

‘Galego’ também falou sobre as principais dificuldades nesta primeira fase da Liga.

- Tivemos algumas dificuldades, a principal delas foi ao segundo tempo da partida contra o Ipiranga-AL, no qual a equipe se comportou de uma forma que não devia. Após o primeiro jogo, eu fiz uma reunião com os atletas e disse que só conseguiríamos bons resultados se o grupo se fechasse, focasse na competição, pois é um torneio muito difícil. E eu tenho certeza que eles entenderam o recado – explicou o técnico.

Apesar de ter a vantagem de dois resultados iguais, o time de Moita Bonita não quer vacilar no mata-mata. Para tanto, já treinaram focados no jogo da próxima sexta e ainda farão um recreativo antes da semifinal. Marcar bem, explorar os contra-ataques e ter eficiência nestes contra-ataques é o que Wilson Mendonça espera do Real Moitense.

Hoje, a equipe tem o melhor ataque, a melhor defesa e ainda o artilheiro da competição, o pivô Luciano.

- Eu me dou muito bem com Luciano, trabalhei com ele em Glória também. Ele é um pivô diferenciado, um pivô matador – disse o técnico.

Nesta sexta o Real encara a forte equipe Pernambucana do Tigre em partida valida pela semifinal da Liga.

Fonte:

Nenhum comentário: